quarta-feira, 27 de outubro de 2010

O quinto empate... em cinco clássicos.

quarta-feira, 09 de Junho de 2010. Era a primeira coisa que qualquer um que entrasse aqui no blog via escrita: o post mais recente.
Agora estamos em terça-feira, 26 de Agosto de 2010.
Minha escalação ideal da última análise, que contava com especulações e permanências, não se concretizou jamais. Perdemos Souza, Élton, Coutinho e Carlos Alberto(né?). Ganhamos Éder Luis, Zé Roberto(?), Felipe e Dedé. Esse mesmo zagueiro que naquela época torcíamos pela dispensa e hoje esperamos, talvez, uma convocação(por que não?). Coisas do futebol.

Vim desancorar o blog, sem intenções/ambições maiores. Mas que é interessante, até para observar casos de como alguns detalhes mudam de acordo com o pouco tempo - exemplo com Dedé - é inegável.

Partida passada, contra o flamengo, tivemos polêmicas. Quero fugir delas e entrar em outro assunto: como foi vergonhosa a tática de contra-ataque do Vasco. Com um homem a menos, talvez fosse a única opção que restasse, mas custa fazer direito? Será que nosso técnico tentou surpreender o adversário mandando qualquer um que pegasse na bola, esteja onde estivesse, mandar pelo alto para o Nunes? Pois foi isso que aconteceu o segundo tempo inteiro, só pegar o VT e observar.
Acho que seria bem mais objetivo e simples - até óbvio, mas funcional - assim:
Esquema de contra-ataque: bola pro Felipe no meio, que lança pra Fagner ou Éder Luis na ponta, nas costas dos laterais, enquanto Nunes vai pro meio. Simples. Jogada de velocidade. Zé Roberto poderia participar disso, se não estivesse nulo em campo(quiçá de ressaca).

Cheguei a escrever após nossa última derrota:

"Carlinhos imaturo, Felipe sem inspiração, Éder Luis displicente e Zé Roberto de ressaca: zero a dois para o poderoso Atlético Goianiense."


Poderia repetir, de repente trocando Carlinhos por Dedé. Mas esse tem crédito.
5 empates em 5 clássicos dentro do Campeonato Brasileiro. Invictos! 5 pontos em 15 disputados. Esse ano estamos exagerando.

1 comentários:

Jean Rosa disse...

Olá pessoal, no jogo contra o Flamerda, o destaque foi o árbitro, que causou e tumultuou o jogo, sem contar no empate contra o timeco da Gávea. Graças a esse resultado, o timinho rubrorrosado está ameaçando passar a frente do Vascão na tabela. Se o Gigante da Colina perder e empatar os jogos restantes, o sonho da Libertadores vai para o espaço.

Ah, e quanto a parceria com o meu blog vascaíno, o link do blog de vocês já está no meu. Eu até mandei um e-mail pra vocês avisando que eu coloquei o link de vocês lá. Chegaram a ler? Estou esperando vocês colocarem o link do blog de vocês aí.

Abraços e saudações vascaínas.
Visitem, sigam e comentem- http://torcidacrvg.blogspot.com

27 de outubro de 2010 11:41

Postar um comentário